Depois de 5 meses utilizando a smartband Mi Band 2, chegou a hora de fazer um review para expressar quais são as minhas impressões sobre a pulseira inteligente da Xiaomi. Já começo destacando o excelente "custo x benefício" do produto, que acabou atingindo todas as minhas expectativas. Apesar de demorar um pouco para chegar (no meu caso foram 69 dias corridos), se você tem interesse na Mi Band 2, recomendo que você importe a pulseira, já que você pagará bem mais barato do que comprar ela já aqui no Brasil.

Quais são os recursos da Mi Band 2? Ela conta passos, mede a distância percorrida, monitora seu sono, calcula a quantidade de calorias que você gastou, mede os batimentos cardíacos e ainda funciona como um relógio e despertador. Você também pode programar Mi Band 2 para te alertar quando você receber ligações, SMS e notificação em aplicativos. Existe ainda o alerta de ociosidade (a Mi Band 2 vibrará quando você ficar um longo tempo sem fazer exercício) e a função smart lock (permite o desbloqueado do seu smartphone quando se ele se aproximar da Mi Band). Também existe a possibilidade de ativar um recurso que fará com que a tela da smartband seja acenda sempre que você girar o pulso.

Outro recurso bem legal é que você pode determinar uma meta diária para ser batida, como, por exemplo, dar 5 mil. Você pode criar um alerta para toda vez que você bater a meta, assim, a Mi Band vibrará e mostrará em sua tela uma imagem indicativa. A tela da Mi Band 2 é bem pequena, e exibe somente informações mais rápidas. Já no seu aplicativo, você encontrará todas as suas informações, de forma bem detalhada.

O Mi Fit, disponível para Android e iOS é bem simples e fácil de se utilizar. Apesar da Mi Band 2 exibir a data em inglês, o aplicativo está todo em português. Para começar, você precisará criar uma conta Mi e ativar o Bluetooth do seu aparelho para sincronizar os dados e personalizar as funcionalidades da pulseira. Como a Mi Band 2 conta com Bluetooth 4.0, mesmo que você deixe o Bluetooth sempre ligado no seu smartphone, o consumo de bateria é muito baixo. Caso prefira, você também pode deixar o Bluetooth desligado e programar a smartband para que ela te lembre todos os dias de sincronizar os dados em um determinado horário.

A Mi Band 2 possui certificação IP67, ou seja, é resistente a água e a poeira. A duração da sua bateria é proporcional a quantidade de recursos que você deixa ativado na pulseira. Se você ativa o monitoramento cardíaco durante o sono, isso consumirá mais bateria. Com os recursos básicos ativados, a bateria da minha Mi Band 2 costuma durar cerca de 48 dias.

Considerações finais
A Mi Band 2 possui vários recursos para analisar o comportamento do seu corpo no dia a dia, sendo ainda capaz de monitorar atividades mais simples, como corrida e caminhada. O alerta de ociosidade é interessante para aquelas pessoas que ficam assentadas durante um longo período de tempo. O monitoramento de sono é outro recurso bem interessante: quando você acorda, a smartband é capaz de indicar o seu período de sono leve e profundo.

Nesses vários meses de uso eu só tenho uma crítica negativa a fazer: a pulseira de silicone da Mi Band! Com o passar do tempo, o local de encaixe da Mi Band 2 na pulseira acaba descolando, o que pode fazer com que você perca facilmente a smartband. Então fica a dica: quando for comprar a Mi Band 2, já compre junto outra pulseira de reserva.

Nota
★★★★★ - 5 - Excelente