Haviam rumores que indicavam que a Sony poderia revelar detalhes sobre o seu novo console na feira de tecnologia CES (Consumer Electronics Show). De fato, o PlayStation 5 teve um espaço na apresentação da companhia japonesa, mas empresa não anunciou nada além daquilo que já sabemos ou esperávamos.

A grande novidade (se é que podemos chamar assim) foi a revelação do logo do PlayStation 5. O logotipo, que você vê no início dessa matéria, segue o mesmo padrão adotado pela Sony em 2009, quando anunciou o modelo slim do PlayStation 3, sendo também utilizado no PlayStation 4. O anúncio foi nada menos do que a simples troca de números.

Jim Ryan, chefe da divisão PlayStation, relembrou alguns dos recursos que estarão presentes no novo console da Sony: áudio em 3D, gatilhos hápticos nos controles, SSD de ultra-alta velocidade, ray-tracing baseado em hardware e Blu-Ray Ultra HD.

O executivo também compartilhou dados interessantes sobre o PS4: o aparelho atingiu a marca de 104 milhões de unidades comercializadas e 5 milhões de headsets PlayStation VR foram vendidos até agora. Ryan revelou ainda que a rede online da Sony conta com 103 milhões de usuários ativos mensalmente, sendo que 38,8 milhões destes são assinantes do serviço PlayStation Plus.

"Há muito mais para compartilhar sobre o PlayStation 5 nos próximos meses, e esperamos revelar mais detalhes, incluindo o conteúdo que mostrará a plataforma e o futuro dos jogos", afirmou o executivo. "A comunidade é a base de como desenvolvemos nossa empresa e é por isso que nossa marca é tão amada. É nessa promessa que a marca PlayStation foi criada há 25 anos e continuaremos nossa missão de levar isso a jogadores de todo o mundo".

O PlayStation 5 será lançado no final de 2020.