Há exatos 10 anos, Alan Wake era lançado para Xbox 360. Desenvolvido pela Remedy Entertainment, o jogo acabou se consagrando como um dos melhores títulos da sétima geração de consoles. Com uma narrativa intrigante, o título chamou a atenção por ter estrutura semelhante a de uma série de TV.

Para comemorar o décimo aniversário de Alan Wake, separamos dez curiosidades sobre esse incrível game. Confira:

1. Alan Wake foi anunciado na E3 de 2005 para "a próxima geração de consoles e PCs". Na ocasião, uma demonstração a portas fechadas foi feita para alguns veículos da imprensa, no intuito de mostrar a tecnologia por trás do título. No ano seguinte, a Remedy firmou uma parceria com a Microsoft Game Studios para publicar o jogo exclusivamente para o Xbox 360 e Windows Vista. Posteriormente, em fevereiro de 2010, a Microsoft anunciou que o jogo se tornaria exclusivo do seu console. Na época, Oskari Häkkinen, chefe de desenvolvimento de franquias da Remedy, esclareceu que a empresa tinha cerca de 50 pessoas e só poderia dedicar seus recursos para trabalhar em uma única plataforma. Ele deixou em aberto a possibilidade de uma versão para PC no futuro, afirmando que antes seria necessário conversar com a Microsoft. Dois anos depois, o jogo foi lançado para Windows.

2. O game foi projetado para ser um sandbox (mundo aberto), a Remedy queria que a cidade de Bright Falls fosse semelhante àquelas vistas na série Grand Theft Auto. Depois de tentar colocar a ideia em prática por seis meses, o estúdio a abandonou em prol de oferecer uma experiência mais linear, já que a pretensão era entregar um jogo de suspense.

3. As primeiras capturas de tela mostravam o personagem Alan Wake vestindo outra roupa e a cidade de Bright Falls tinha um layout diferente daquele visto na versão final. Confira, abaixo, algumas imagens:


No trailer original, também é possível perceber esses detalhes:


4. Em uma entrevista, os criadores do jogo disseram que foram inspirados pelas séries Lost e Twin Peaks, bem como os livros de Stephen King. Falando em Twin Peaks, durante o game Alan se encontra regularmente com uma mulher chamada Cynthia Weaver, que geralmente aparece portando uma lamparina. Ela tem uma forte semelhança com a personagem Margaret Lanterman, que na série é vista regularmente segurando um pedaço de madeira. A própria desenvolvedora afirmou que Cynthia foi inspirada na Senhora do Tronco. A lanchonete e as garçonetes também são baseadas em Twin Peaks.

5. Alice sofreu algumas transformações no processo de produção. Inicialmente, ela não era a esposa de Alan, mas sim sua namorada. Conforme o jogo evoluiu, Alice se tornou esposa do protagonista. Quando essa mudança foi anunciada na E3 2009, os desenvolvedores brincaram que havia tempo de sobra para que Alan e Alice se casassem durante o ciclo de cinco anos de desenvolvimento.

6. O agente Nightengale originalmente seria um personagem jogável, permitindo ao jogador obter a história de duas perspectivas. A sua parte foi removida e a Remedy decidiu que Alan seria o único personagem que poderia ser controlado. As cenas de Nightengale foram incorporadas na história do jogo.

7. O agente Nightingale, chama Alan pelo nome de vários escritores famosos, incluindo Dan Brown, Bret Easton Ellis, Raymond Chandler e HP Lovecraft.

8. Os personagens Mott e Stucky eram diferentes no roteiro original. Mott era dono do posto de gasolina e Stucky era um causador de problemas na cidade. Quando o jogo foi lançado, eles trocaram de papéis. O nome de Mott podia ser visto no posto de gasolina em uma demonstração feita pela Intel em 2006.

9. Quando alguém estava jogando uma versão pirata no PC, Alan era visto usando um tapa-olho com uma caveira e ossos cruzados. O jogador também se deparava com uma mensagem indicando que ele deveria comprar uma cópia original.


10. Uma minissérie live-action intitulada Bright Falls foi criada para promover o game antes do seu lançamento. Dividida em seis episódios, Bright Falls apresenta muitos dos personagens que o jogador encontra na cidade homônima. A minissérie foi coescrita e dirigida por Phillip Van.

Veja mais sobre Alan Wake: