Sucessos de séries como Dragon Ball Z e Naruto podem criar em algumas pessoas a falsa percepção de que animes se resumem a histórias de lutas. Assim como acontece com qualquer obra de entretenimento, existem muitos outros gêneros além tramas focadas em combates. Se você deseja conhecer mais sobre as animações japonesas, nos listamos abaixo cinco ótimos animes para você começar a se aventurar por esse universo fantástico. Confira:

Death Note
Esse é provavelmente um dos animes mais aclamados de todos os tempos. Death Note é uma obra que gera muitas discussões e funciona perfeitamente para o público adolescente e adulto. A premissa do anime já é bastante polêmica por si só: Light Yagami, um estudante genial, acaba encontrando um caderno misterioso que dá ao seu portador o poder de matar qualquer pessoa tiver o seu nome escrito nele. A partir daí seguimos o plano de Light de fazer uma limpa nos criminosos e os seus confrontos com L, o detetive encarregado de desvendar o mistério por trás dos assassinatos causados pelo protagonista. Com uma abordagem madura, personagens carismáticos e trama profunda, Death Note se tornou um dos melhores animes de todos os tempos e é uma ótima porta de entrada para as animações orientais.

Yakusoku Neverland (também conhecido como The Promised Neverland)
Para muitos fãs de animes, Neverland é como se fosse um Death Note dos tempos atuais, mas também existem grandes diferenças entre as duas animações. Yakusoku Neverland segue uma linha menos adulta e sem tanta complexidade, o que não significa que a obra é inferior. Quem busca uma história mais fantasiosa e com muito mistério, esse anime é uma indicação perfeita. A trama se inicia com várias crianças vivendo em um orfanato e levando uma vida tranquila e feliz, mas tudo muda após alguns desses jovens começarem a suspeitar de que suas vidas não são tão simples como eles pensavam. Qualquer menção maior do que isso pode ser spoiler; então, tudo que lhe digo é para ficar preparado para ser surpreendido pela ótima história (que tem um toque sobrenatural muito bem-vindo).

Charlotte
Charlotte não é tão popular quanto os dois animes anteriores. Apresentando uma história bastante diferenciada e com alguns momentos surpreendentes, cada personagem do anime é carismático e possui suas peculiaridades próprias, tornando-os muito humanos. A narrativa se baseia na ideia de que alguns adolescentes, na puberdade, acabam despertando algum tipo de superpoder. Partindo desse ponto, acompanhamos um grupo de jovens, com as mais diferentes e excêntricas habilidades especiais, que seguem ajudando outras pessoas de sua idade que vem "sofrendo" com a chegada repentina desses poderes. Um ponto interessante do enredo é que a história, apesar de muito divertida e descontraída, consegue em muitos momentos apelar para uma parte mais emocional, que funciona surpreendentemente bem. Recomendado para aqueles querem uma aventura mais descompromissada e também para os que se interessam por algo mais dramático.

Toradora!
Se procura algo sem grandes mistérios, embates ou grandes reviravoltas, Toradora! é sem dúvida alguma uma boa escolha. Essa é com certeza a obra mais simples de toda a lista. O anime segue a história de Ryujo, um estudante muito gentil, mas que é taxado como um delinquente por quase todos da sua escola em razão de sua aparência. Mesmo assim, Ryuji consegue se aproximar de uma garota chamada Taiga, que é, ao mesmo tempo, apaixonada pelo melhor amigo de Ryuji e melhor amiga da garota que ele tanto gosta. Isso cria uma estranha relação entre os dois, onde um tenta ajudar o outro a conquistar a pessoa de quem gosta. A relação entre os personagens e os problemas do dia a dia que eles passam acabam trazendo muita diversão e fazem de Toradora um ótimo anime de comédia/romance.

Sword Art Online
Pegando emprestado ideias que já foram utilizadas em outras obras (e estando repleto de clichês), Sword Art Online ainda é um anime interessante. Um novo jogo de realidade virtual prende todos os seus jogadores dentro do seu mundo, fazendo com que todos que morrem no mundo virtual também percam sua vida no mundo real. Seguimos a jornada de Kirito, um jovem que já havia sido beta tester do jogo e que segue com o objetivo de zerar o game e libertar todos que estão nele presos. Sword Art Online não é uma obra complexa e em muitos momentos ficamos com a sensação de que falta desenvolvimento para certas coisas, mas certamente é ótima sugestão para aqueles que não assistiram muitos animes e buscam algo com uma história legal, personagens carismáticos, um pouco de romance e ótimos momentos de ação.