Completando 25 anos, Tibia receberá efeitos sonoros


Ontem (7), o jogo Tibia comemorou o seu vigésimo quinto aniversário. Para celebrar esse marco, a CipSoft anunciou que o título receberá efeitos sonoros em 2022. Lançado em 1997, o MMORPG ainda recebe atualizações regulares e um fluxo constante de novos conteúdos, fazendo com que ele seja um dos jogos online mais antigos do mundo que ainda se mantém vivo.


No Brasil, Tibia ainda conta com uma forte legião de seguidores fiéis e o país se tornou o mercado mais importante para o jogo ao longo do tempo: só em 2021, o game foi jogado por 185.000 jogadores brasileiros. Nesse mesmo ano foram adicionados quatro novos servidores, dois deles na América Latina: um na configuração "Optional PvP" Reinobra (SA) e outro "Retro Open PvP" Mudabra (SA).

"Uma história como a de Tibia é rara em nossa indústria.", diz Stephan Vogler, um dos CEOs e fundadores da CipSoft. "Nosso projeto de hobby se tornou um sucesso duradouro com muitos jogadores dedicados. Estou extremamente grato por fazer parte desta história." Ulrich Schlott, assim como Vogler, CEO e fundador da empresa, acrescentou: "Tibia segue ativo com mais sucesso do que nunca, em parte devido à nossa estreita cooperação com nossa comunidade. Após 25 anos, ainda temos muitas ideias para trazer novos conteúdos para o mundo do Tibia.".


Em uma comparação histórica, o número de jogadores online atingiu seu pico máximo em 2007, com 64.028 jogadores simultâneos e a CipSoft relatando mais de 250.000 jogadores ativos. No ano de 2020, Tibia teve um pico de 41.000 jogadores, mostrando que o jogo vem conseguindo se manter ao longo do tempo. De acordo com uma pesquisa de 2009, conduzida pela CipSoft, os jogadores vieram de uma ampla gama de países, a maior parte vivendo no Brasil (26,56%, aproximadamente 75.000) e na Polônia (24,38%). A CipSoft confirmou que, ainda hoje, o Brasil continua sendo o principal país em número de jogadores ativos.
E7

Perfil da redação do Portal E7.

O que achou desta postagem? Encontrou algum erro? Compartilhe sua opinião!

Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem

Publicidade

Veja também