Longa nacional Dog Never Raised: Cachorro Inédito estreia no 50º Festival de Cinema de Gramado


Dog Never Raised: Cachorro Inédito, terceiro longa-metragem do cineasta gaúcho Bruno de Oliveira, terá a sua estreia no 50º Festival de Cinema de Gramado, que acontece entre os dias 12 e 20 de agosto de 2022. O longa conta a história de um larápio de rua que fica obcecado com a ideia de realizar um filme após invadir um apartamento cheio de DVDs. Com sequências em preto e branco e coloridas, acompanhamos as andanças e obsessões de seu protagonista sem nome e sem rosto.

"É um filme bem diferente dos outros, principalmente dos longas.", observa o diretor de Os Pássaros de Massachusetts (2019) e Ten-Love (2020). "'Dog Never Raised é um filme muito experimental que tem uma proposta mais próxima do terror/suspense e outros gêneros.", define. Bruno cita como principais influências os filmes Crash, de David Cronenberg, e O Farol, de Robert Eggers.


"Esta relação com o cinema que nos meus filmes anteriores era um pouco mais saudável ou otimista, em Cachorro Inédito é mais sombria, - ela toca a obsessão, a doença.", avalia. "É um filme muito influenciado pela minha relação com DVDs, com o cinema mesmo, com o fazer do cinema. Considero meu filme mais maduro até então.", conclui.

Bruno também assina a produção, roteiro e montagem. A trilha sonora é de Gustavo Peixoto (do projeto musical ALE) com colaboração do diretor. Dog Never Raised: Cachorro Inédito foi rodado em 2020, no auge da pandemia, com uma equipe mínima por questões de segurança. A edição levou cerca de um ano e meio para ser finalizada.

O filme será exibido na terça (16), às 14h, no Palácio dos Festivais (Av. Borges de Medeiros, 2.697), seguido de um debate com os realizadores ao final da sessão.
Herbert Viana

Criador do Portal E7, Herbert é advogado, amante de games e séries. Gamertag/ID: "HerbertVFV". twitter

O que achou desta postagem? Encontrou algum erro? Compartilhe sua opinião!

Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem

Publicidade