Pelo segundo ano consecutivo, e pela segunda vez na história, a Sony não participará da maior feira anual de game, a Electronic Entertainment Expo (E3). A informação foi confirmada pela empresa ao site Gamesindustry.biz, nesta terça (14).

A empresa japonesa afirmou que não acredita que a E3 seja o evento ideal para aquilo que ela está planejando para 2020. "Após uma avaliação completa, a SIE decidiu não participar da E3 2020", disse um porta-voz da Sony Interactive Entertainment. "Temos um grande respeito pela ESA como organização, mas não sentimos que a visão da E3 2020 seja o local certo para o que estamos focados neste ano."

"Vamos construir nossa estratégia de eventos globais em 2020 participando de centenas de eventos para consumidores ao redor do mundo. Nosso foco é fazer os fãs se sentirem parte da família PlayStation e ter acesso a jogar seus conteúdos favoritos. Temos um line-up fantástico de jogos chegando ao PlayStation 4, e com o lançamento do PlayStation 5, estamos verdadeiramente esperando um ano de celebração com nossos fãs", completou o representante da empresa.

A Sony usou a E3 como local para revelar detalhes de seus consoles desde o início, participando da feira pela primeira vez em 1995, quando detalhou o lançamento do PlayStation nos EUA. O sucesso da empresa na E3 2013 foi visto como um grande momento na preparação para a chegada do PlayStation 4 ao mercado.

A ESA, organizadora da E3, vem lutado para satisfazer os interesses das empresas participantes. Alguma delas, como EA e Sony, querem que a E3 se torne uma celebração dos fãs, enquanto outros preferem que o evento continue sendo um evento voltado para a indústria.

A E3 2020 acontece de 9 a 11 de junho, em Los Angeles, nos Estados Unidos.