Há exatos 20 anos, a Sony lançava no Japão aquele que seria o seu console de maior sucesso e também o videogame mais vendido na história. Para comemorar esta data especial, nos separamos dez curiosidades sobre o PlayStation 2. Confira:

1. Conforme dados divulgados pela própria Sony, mundialmente o PlayStation 2 vendeu mais de 155 milhões de unidades. Sua produção foi encerrada em 2012 e a Sony ofereceu suporte técnico até 2018.

2. Mais de 1,53 bilhões de jogos foram vendidos na plataforma. O título de maior sucesso foi Grand Theft Auto: San Andreas, com 17,33 unidades comercializadas, seguido por Grand Theft Auto: Vice City, com 16.15 milhões. O exclusivo mais vendido foi Gran Turismo 3: A-Spec, que também é o terceiro jogo mais vendido da plataforma (14,89 milhões).

3. As torres presentes na abertura do console representam a quantidade de jogos que o jogador tem salvo no seu memory card. Quanto maior o tamanho do arquivo, maior o tamanho da torre.

4. Como era uma das empresas criadoras do DVD, a Sony resolveu adotar a mídia como padrão no sucessor do PlayStation. Custando US$ 299 no seu lançamento nos EUA (ocorrido em 26 de outubro de 2000), o console era mais barato que os próprios players de DVD e ainda rodava os jogos mais modernos da época.

5. Apesar do alto valor e sem um grande título de lançamento, o PS2 foi um sucesso de vendas no seu lançamento. Os destaques ficavam para o já mencionado leitor de DVD integrado e a retrocompatibilidade com o PlayStation. Pela primeira vez era possível jogar títulos da geração anterior sem ter que recorrer a nenhum tipo de acessório.

6. Sendo um console extremamente poderoso para a época, os seus jogos eram desenvolvidos dentro do Linux, o que facilitava a vida dos desenvolvedores que queriam lançar seus jogos na plataforma. Pensando em explorar uma outra área de mercado, a Sony começou a vender o seu console em um "kit Linux", que vinha acompanhado de um teclado, mouse, HD interno de 40 GB, adaptador de rede e cabo VGA, além de um DVD com software. Isso permitia que o PlayStation 2 fosse transformado em um computador Linux completo. O ambiente gráfico do Linux utilizado no console, o Window Maker, foi originalmente desenvolvido para PCs pelo programador brasileiro Alfredo Kojima.

7. A resolução padrão dos jogos do PS2 era 480p, mas o aparelho tinha suporte a resoluções de alta definição, como 720p e 1080i. Apesar disso, poucos foram os jogos que fizeram uso de tal tecnologia. Gran Turismo 4 foi o primeiro jogo a suportar a resolução 1080i no console. Outro título com suporte a 1080i é Tourist Trophy.

8. Além da versão tradicional e do modelo slim, a Sony ainda lançou no Japão, em 13 de dezembro de 2003, uma outra variante, conhecida como PSX (ou PlayStation X). O dispositivo era uma central multimídia baseada no PlayStation 2 e permitia que os usuários gravassem vídeos digitais em DVDs. Com ele também era possível sintonizar os canais analógicos VHF e CATV, e fazer transferência de fotos, músicas e vídeos do PlayStation Portable via cabo USB. Como o PSX foi projetado para ser um dispositivo de vídeo de uso geral, sua comercialização era feita pela Sony Corporation, ao invés da Sony Computer Entertainment.

9. O lançamento oficial no Brasil só aconteceu em 19 de novembro de 2009, nove anos depois da sua chegada no mercado internacional. Antes, porém, o videogame era facilmente encontrado no país, graças ao mercado cinza. Apesar do lançamento tardio, segundo a Pesquisa Game Brasil 2019, o PlayStation 2 ainda era o terceiro console mais popular do país, com 23,7% de participação de mercado, ficando atrás penas do PlayStation 4 (37,6%) e do Xbox 360 (32,8%).

10. Em setembro de 2011, a Netflix iniciava a suas operações no Brasil. Como a base instalado do PlayStation 2 era enorme no país, a gigante do streaming lançou um cliente para o PlayStation 2. Para ter acesso ao aplicativo, era necessário conectar o console na internet e inserir um DVD no console para rodar o aplicativo. A versão do aplicativo para o PS2 foi exclusivamente oferecida no Brasil, uma vez que no mercado internacional o Nintendo Wii, o Xbox 360 e o PlayStation 3 já haviam se consolidado no mercado. O suporte ao PlayStation 2, no entanto, durou pouco tempo e foi encerrado pela Netflix em 31 de março de 2012. Algo semelhante aconteceu nos Estados Unidos. Como a Microsoft tinha um contrato de exclusividade com a Netflix até 2010, o Xbox 360 era o único console que poderia ter o aplicativo da plataforma de streaming. Para burlar essa exclusividade e visando atingir os donos do Wii e do PS3, a Netflix passou a disponibilizar seu cliente via disco para estas plataformas.