Antes de se tornar o conhecido advogado de Breaking Bad, Saul Goodman passou muitas dificuldades no início de carreira, quando era conhecido como Jimmy McGill. Com um carro em péssimas condições e um escritório no fundo de um salão de beleza, Jimmy encontra dificuldades para conseguir clientes, ao passo que as contas atrasadas não param de chegar.

Logo no início da série, Better Call Saul dá um presente aos fãs Breaking Bad, mostrando que aconteceu com o advogado após os acontecimentos da 5ª temporada de Breaking Bad. Mas o foco principal da série não é este: a história de Better Call Saul se passa anos antes do início de Breaking Bad, portanto, não espere ver Walter White e Jesse Pinkman na série (pelo menos não agora).

Jimmy possui um irmão, Chuck, que é sócio do imenso escritório de advocacia "Hamlin, Hamlin & McGill", também conhecido como "HHM". Chuck não é uma pessoa normal, ele possui hipersensibilidade eletromagnética, uma doença que faz com que ele sofra dores, náuseas e queimação na pele ao ser exposto a qualquer tipo de electromagnetismo. Por esta razão, ele acabou se afastando do serviço, e vive em uma casa com ao auxílio de Jimmy. Para se ter ideia, ao chegar na casa de Chuck, Jimmy deixa o seu celular na caixa de correios, para não causar nada ao irmão.

Outros personagens que desempenham papeis importantes na série são Kim Wexler, amiga confidente de Jimmy, e Howard Hamlin, cofundador do "Hamlin, Hamlin & McGill". Diante dos problemas de saúde de Chuck, Howard praticamente assume sozinho a posição de liderança no escritório de advocacia. Como Better Call Saul segue o seu próprio caminho, é importante ter personagens marcantes em sua narrativa.

Sendo um spin off de BrBa, aos poucos nomes conhecidos dos fãs vão aparecendo, como o ex-policial Mike e Tuco Salamanca. Mesmo tendo como foco principal a história de Saul Goodman, a série também dá um destaque especial para ex-policial Mike.

Apesar de ter tido uma juventude problemática, época em que aplicava golpe nas pessoas, Jimmy tenta dar um rumo em sua vida, fazendo  as coisas certas, mesmo diante das enormes dificuldade que enfrenta no começo de sua carreira. Acontece que Jimmy ainda é um homem malandro, e onde tudo isso vai chegar você já sabe, a menos que não tenha assistido Breaking Bad.


Considerações finais
Apesar de ser um spin off de Breaking Bad, Better Call Saul busca seguir o seu próprio caminho (não se trata de uma continuação de BrBa, então não tente comparar as séries). Por isso, se você não assistiu Breaking Bad, é possível que você não entenda pequenas referências, mas nada que prejudique a sua compreensão da narrativa. Com uma temporada sem enrolação, Better Call Saul consegue rapidamente passar a sua proposta para quem a assiste a série.

Pontos fortes de Breaking Bad, como roteiro, produção e fotografia, estão presentes na série. Com uma mescla de drama e momentos de humor, Better Call Saul teve uma boa estreia, nos deixando ansioso para a sua continuação, que será lançada em 2016.

Nota
★★★★☆ - 4